Design for Usability No-Brainer of the Week

http://www.gnome.org/~davyd/gnome-2-12/images/search-tool.png
The Gnome Search Tool: Not very sexy, but works okay for me. I am getting better at using grep, too, though for poetry majors, it has a bit of a learning curve.

The GAO reminds the SEC that collecting lots of data without being able to organize and search it quickly and efficiently mean you have no way of converting that data into usable information.

SEC’s Division of Enforcement uses an electronic system to receive referrals of potential violations from SROs. These referrals undergo multiple stages of review and may lead Enforcement to open an investigation. From fiscal years 2003 to 2006, SEC received an increasing number of advisories and referrals from SROs, many of which involved insider trading. However, SEC’s referral receipt and case tracking systems do not allow Enforcement staff to electronically search all advisory and referral information, which may limit SEC’s ability to monitor unusual market activity, make decisions about opening investigations, and allow management to assess case activities, among other things.

So who designed this brilliant information system; what sales pitch did they use to convince the check-signer that this was, not a bug, but a feature; and how much did we pay for it?

[tktktktktktktktktktk]

Uso: grep [opção]... padrão [arquivo]...
Tente `grep --help' para mais informações.
cbrayton@macunaima:~/Desktop$ grep --help
Uso: grep [opção]... padrão [arquivo]...
Procura por PADRÃO em cada ARQUIVO ou entrada padrão.
Exemplo: grep -i 'hello world' menu.h main.c

Seleção de expressão regular e interpretação:
-E, --extended-regexp PADRÃO é uma expressão regular extendida
-F, --fixed-strings PADRÃO é um grupo de strings separadas por linhas
-G, --basic-regexp PADRÃO é uma expressão regular simples
-P, --perl-regexp PADRÃO é uma expressão regular Perl
-e, --regexp=PADRÃO      use PADRÃO como uma expressão regular
-f, --file=ARQUIVO       obtain PADRÃO from FILE
-i, --ignore-case        ignora caixa do texto
-w, --word-regexp        força PADRÃO encontrar apenas palavras inteiras
-x, --line-regexp        força PADRÃO encontrar apenas linhas inteiras
-z, --null-data          uma linha de dados acaba com 0 bytes, não nova linha

Miscelânea:
-s, --no-messages         suprime mensagens de erro
-v, --revert-match        seleciona somente linhas não coincidentes
-V, --version             mostra informações sobre versão e sai
--help                exibe esta ajuda e sai
--mmap                usa entrada de memória mapeada se possível

Controle da saída:
-m, --max-count=NUM pare após o número de ocorrências
-b, --byte-offset exibe a posição do byte junto com as linhas de saída
-n, --line-number exibe o número da linha junto com as linhas de saída
--line-buffered limpa a saída a cada linha
-H, --with-filename exibe o nome de arquivo para cada ocorrência
-h, --no-filename suprime o nome de arquivo prefixado na saída
--label=NOME usa NOME como nome de arquivo para a entrada padrão (stdin)
-o, --only-matching mostra apenas a parte da linha que combina com o PADRÃO
-q, --quiet, --silent suprime toda saída normal
--binary-files=TIPO assume que arquivos binários são de certo TIPO
TIPO pode ser 'binary', 'text', ou 'without-match' (sem pareamento)
-a, --text é equivalente a --binary-files=text
-I é equivalente a --binary-files=without-match
-d, --directories=AÇÃO como processar diretórios
AÇÃO pode ser 'read' (ler), 'recurse' (recursivo), ou 'skip' (ignorar)
-D, --devices=AÇÃO como processar dispositivos, FIFOs e sockets
AÇÃO pode ser 'read' (ler) ou 'skip' (ignorar)
-R, -r, --recursive é equivalente a --directories=recurse
--include=PADRÃO arquivos que combinam com o PADRÃO serão examinados
--exclude=PADRÃO arquivos que combinam com o PADRÃO serão ignorados
--exclude-from=ARQUIVO arquivos que combinam com o PADRÃO no ARQUIVO serão ignorados
-L, --files-without-match exibir apenas arquivos que não contenham ocorrências
-l, --files-with-matches exibir apenas arquivos que contenham ocorrências
-c, --count exibir apenas uma contagem das linhas com ocorrências por arquivo
-Z, --null exibe 0 byte após o nome do arquivo

Controle do contexto:
-B, --before-context=NUM exibe um contexto com o número de linhas precedentes indicado
-A, --after-context=NUM exibe um contexto com o número de linhas subseqüentes indicado
-C, --context=NUM exibe um contexto com o número de linhas indicado
-NUM é o mesmo que --context=NUM
--color[=QUANDO],
--colour[=QUANDO] usar marcas para distingüir a string encontrada
QUANDO pode ser `always' (sempre), `never' (nunca) ou `auto'.
-U, --binary não remover caracteres CR ao fim das linhas (EOL) (MSDOS)
-u, --unix-byte-offsets retorna posições de bytes como se os caracteres CR não existissem (MSDOS)

`egrep' equivale a `grep -E'. `fgrep' equivale a `grep -F'.
Sem especificar ARQUIVO, ou quando ele for -, a entrada padrão será lida.
Se menos que dois ARQUIVOs são dados, assume-se -h. O status de saída é 0 se há ocorrências,
1 se não houver, e 2 se tiver erros.

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s